logo

  • Consultório Jardins
    (11)3884-3473
  • Hosp. Albert Einstein Morumbi
    (11)2151-9205
  • Whatsapp
    (11)94558-6808

A Fisiatria Brasil, tem sua equipe composta por médicos fisiatras, especializados em tratamento de dor, reabilitação motora, reabilitação física e reabilitação muscular. Devido às constantes evoluções da medicina e sempre com o objetivo de nos manter atualizados e oferecer o melhor tratamento para nossos pacientes os fisiatras de nossa equipe participam constantemente de congressos de dor, fisiatria e assuntos relacionados no Brasil e no mundo.

O que é Fisiatria?

A Fisiatria, também conhecida como Medicina Física e de Reabilitação, é o ramo da medicina que busca a prevenção, o diagnóstico e o tratamento de doenças relacionadas ao sistema nervoso, muscular e osteoarticular, que podem produzir incapacidade temporária ou permanente. Nossa equipe possui experiência para, após uma avaliação, ajudar o indivíduo que pretende iniciar a prática de uma atividade física ou maximizar o resultado de quem treina, buscando melhor performance, evitando que se lesione neste processo, através de um processo de acompanhamento contínuo.

fisiatria é especialidade do tratamento de dor, reabilitação motora, reabilitação muscular e reabilitação física

Fisiatra examinando paciente

Objetivos

Na Fisiatria Brasil, o médico fisiatra tem como objetivo melhorar a capacidade funcional e a qualidade de vida das pessoas.  Independente de ser a busca de uma melhor performance na atividade física ou de ser um problema, podendo ser uma contusão ou torção em articulações devido à prática de atividades físicas, uma leve dor nas costas ou outra dor muscular, até problemas que levam a algum grau de incapacidade, podendo ser neurológica – como no acidente vascular cerebral (AVC), no traumatismo craniano e na lesão da medula espinal, ou lesão medular), ortopédica –  como na osteoartrose, cardiopulmonar – como DPOC

Metodologia

Na consulta médica, o profissional da Fisiatria Brasil avalia a parte clínica, assim como a biomecânica do movimento, aspectos relacionados ao impacto da doença na realização de tarefas do dia a dia (autocuidado, trabalho, lazer) e do ambiente de trabalho. Todos estes dados levam a um diagnóstico funcional. Com base no diagnóstico médico e funcional, o médico fisiatra estabelece um plano de tratamento que pode englobar a prescrição de medicamentos, a indicação de procedimentos médicos da reabilitação (como infiltrações para dor, acupuntura, aplicação de toxina botulínica para espasticidade, distonia e dor), a prescrição de órteses e próteses e o encaminhamento para a realização de tratamento com outros profissionais de saúde (fisioterapia, terapia ocupacional, psicologia, entre outros).